Arquivo

Archive for Abril, 2013

Leap Motion

17 de Abril de 2013 Deixe um comentário

No SDK do Leap Motion está incluído um “visualizador” para testar o sensor, estão  incluídas algumas aplicações de exemplo.

Aplicações de teste incluídas:

  • Leap Visualizer – Permite visualizar/monitorizar dedos bem como um conjunto de parâmetros associados.
  • Finger Visualizer – Permite visualizar/monitorizar dedos
  • Flocking Demo – Permite controlar luzes que possibilitam “afugentar” um cardume de peixes virtual
  • Gestures Demo – Permite testar gestos controlados pelo Leap Motion
  • Motion Visualizer – Grelha 3D infinita a qual é possível rodar, mover e alterar a dimensão através de gestos.
  • Unity Sandbox – Exemplo de integração com Unity onde é possível mover um cubo através de gestos

Este é um dispositivo que claramente pretende marcar uma fase na evolução da forma como interagimos com os computadores, a sua precisão e rapidez são fenomenais, isto tendo em conta que é um dispositivo pequeno, leve, relativamente barato ($79.99) e com um suporte já muito abrangente (a nível de sistemas operativos e linguagens de programação).

Será uma nova forma de interagirmos com os computadores…

Categorias:Informática Etiquetas:, , ,

Óculos da Google

17 de Abril de 2013 Deixe um comentário

Os programadores que estão a desenhar aplicações para os novos óculos da Google foram avisados que não vão poder ter publicidade no ecrã do aparelho.

Os óculos vão estar equipados com uma câmara de cinco megapixéis e vão poder gravar vídeos em alta definição (720p).

Uma das novidades que mais se destaca é o facto de o utilizador não precisar de auscultadores para ouvir os sons produzidos pelos óculos: vão ser audíveis através de ondas de som difundidas pelos ossos da cara, que chegam, por sua vez, ao ouvido interno. Para comunicar com os óculos, basta dizer alguns comandos pré-programados que são reconhecíveis pelo aparelho.

A empresa norte-americana diz ainda que o ecrã vai ter qualidade equivalente a um ecrã de televisão de alta qualidade de 63 centímetros, quando visto a cerca de dois metros e meio de distância.

A bateria? A empresa promete que isso não vai ser problema, garantindo que vai durar “um dia inteiro de utilização normal”, embora isso fique restringido às características que exijam um maior consumo de energia, como as chamadas de vídeo.

Com capacidade de armazenamento de 16GB, vai ser possível ligar-se a outros dispositivos através de redes sem fios e de Bluetooth.

Fonte: Público

Cuidado com as ultimas actualizações do windows7

12 de Abril de 2013 Deixe um comentário

Na passada terça feira a Microsoft lançou mais um conjunto de actualizações para o Windows. Segundo relatos que estão agora a vir a público esta actualização está a causa problemas nas máquinas dos utilizadores que a realizaram.
Fonte: Pplware

Guardar emails do yahoo no dropbox

11 de Abril de 2013 Deixe um comentário

 

Passou a ser possível guardar no Dropbox todos os anexos recebidos no serviço Yahoo! Mail. Para começar, clique no anexo da mensagem e em seguida na seta situada ao lado da opção “Save”. Seleccione a opção “Save to Dropbox”. Clique em “OK”. Adicione os dados da sua conta no serviço Dropbox.

 

Categorias:Informática Etiquetas:, , ,

Principais virus detectados pelo ESET

9 de Abril de 2013 Deixe um comentário

A ESET divulgou o TOP 10 de ameaças informáticas que em Março mais atacaram os utilizadores. O malware que utiliza o ficheiro autorun.inf mantém-se na primeira posição, enquanto a ameaça Win32/Sality que inicia serviços e cria ou apaga chaves de registo relacionadas com aplicações de segurança, está agora em segundo lugar.

1. INF/Autorun.
Posição Anterior: 1.
Percentagem de Detecção: 3,59%.

Esta designação é utilizada para descrever o malware que utiliza o ficheiro autorun.inf. Este ficheiro contém informações acerca de como as aplicações devem actuar quando se acede a um dispositivo amovível (pendrive ou similar) a partir de um computador com sistema operativo Windows.

2. Win32/Sality.
Posição Anterior: 3.
Percentagem de Detecção: 2,19%.

O Sality é um ficheiro de infecção polimórfico. Quando entra no sistema inicia um serviço e cria ou apaga chaves de registo relacionadas com aplicações de segurança que estão presentes no sistema. Assim assegura a sua execução automática sempre que o sistema é reiniciado. Modifica ficheiros EXE e SCR.

3. HTML/ScrInject.B.
Posição Anterior: 4.
Percentagem de Detecção: 2,10%.

Designação dada à detecção genérica de páginas HTML que contêm um script escondido ou tags IFRAME maliciosas que redireccionam o utilizador para o download de malware.

4. Win32/Dorkbot.
Posição Anterior: 5.
Percentagem de Detecção: 2,09%.

O Win32/Dorkbot.A é um worm que se espalha através de dispositivos amovíveis. Contém uma backdoor que lhe permite ser controlado remotamente. Este malware armazena os nomes de utilizador e palavras passe quando o utilizador acede a determinados sites. Posteriormente envia os dados recolhidos para uma máquina que se encontra numa localização remota.

5. Win32/Ramnit.
Posição Anterior: 6.
Percentagem de Detecção: 1,79%.

Este vírus é executado sempre que liga o computador e infecta ficheiros dll e executáveis. Procura também por ficheiros htm e html para escrever instruções maliciosas. Explora uma vulnerabilidade no sistema que permite a execução de código arbitrário. Pode ser controlado remotamente para tirar screenshots, enviar informações, descarregar ficheiros do computador infectado.

6. Win32/Conficker.
Posição Anterior: 7.
Percentagem de Detecção: 1,42%.

O Win32/Conficker é um worm de rede que originalmente se propagava utilizando uma vulnerabilidade no sistema operativo Windows. Esta vulnerabilidade está presente no subsistema RPC e pode ser explorada remotamente pelo cibercriminoso, mesmo que não possua qualquer tipo de credenciais de acesso válidas. Dependendo da variante, pode espalhar-se também através de pastas partilhadas não seguras e por dispositivos amovíveis.

7. HTML/Iframe.B.
Posição Anterior: 2.
Percentagem de Detecção: 1,29%.

O vírus HTML/Iframe.B.Gen consiste em tags IFRAME maliciosas colocadas em páginas HTML que redireccionam o utilizador para um determinado endereço on-line com software malicioso.

8. HTML/Fraud.
Posição Anterior: 45.
Percentagem de Detecção: 1,06%.

Um Trojan que rouba informações sensíveis como o número de telefone e endereços de e-mail, enviando-os para um computador que se encontra noutro local. O Trojan mostra uma janela que solicita ao utilizador a participação num pequeno inquérito de forma a que o cibernauta introduza informações pessoais.

9. Win32/Qhost.
Posição Anterior: 8.
Percentagem de Detecção: 0,98%.
Esta ameaça copia-se para a pasta %system32% do Windows, antes de se executar. Posteriormente comunica-se por DNS com o servidor command and control. O Win32/Qhost pode espalhar-se por e-mail e permite a um cibercriminoso controlar totalmente o computador infectado.

10. JS/TrojanDownloader.Iframe.NKE.
Posição Anterior: 9.
Percentagem de Detecção: 0,94%.

Este malware consiste num Trojan que redirecciona o browser para um endereço específico que contem código malicioso. Normalmente a infecção está presente no código das páginas HTML.